Oportunidades do novo concurso do Detran SP 2019 (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo) serão para os cargos de oficial estadual de trânsito I e agente estadual de trânsito I. Edital deve ser publicado nos próximos dias.

Faltava pouco para ser publicado o aguardado edital do concurso do Detran SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo). O órgão deveria lançar o certame até 7 de janeiro de 2019, conforme um decreto publicado em 12 de julho no Diário Oficial, mas ele sofrerá um atraso.

Em nota, a assessoria de imprensa disse: “Em decorrência da edição dos decretos 63.979/18 e 64.069/19, o Detran/SP está realizando os procedimentos internos para a adequação do edital de concurso e assim que concluir fará a publicação no Diário Oficial do Estado”.

O primeiro decreto, sancionado pelo ex-governador Márcio França, institui e disciplina o sistema de pontuação diferenciada para pretos, pardos e indígenas em seleções destinadas à investidura em cargos e empregos no âmbito do serviço público paulista.

Já o outro documento, ratificado pelo governador João Doria e publicado no Diário Oficial de 3 de janeiro de 2019, determina que todos concursos que não iniciaram as inscrições deverão ser reavaliados pela Secretaria do Governo.

Vale lembrar que a banca organizadora já foi contratada e será a Fundação Carlos Chagas (FCC).

Vagas no concurso

O edital contemplará um total de 575 vagas, sendo 375 de oficial estadual de trânsito I e 200 para agente estadual de trânsito I.

A carreira de oficial estadual de trânsito I se destina aos candidatos que possuem certificado de ensino médio ou de curso técnico, desde que emitido por instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). A remuneração inicial é de R$ 1.863.

Profissionais com formação superior em diversas áreas de atuação e com carteira nacional de habilitação o mínimo “B” poderão concorrer ao posto de agente estadual de trânsito I. O salário vigente corresponde ao valor de R$ 4.657,50.

Atribuições dos cargos

O oficial desempenhará atividades administrativas, como verificação, registro e expedição de documentos, seja de veículos ou de habilitação, além de atuar no atendimento ao público nas unidades de trânsito.

Com relação ao agente, este profissional executará atividades nas áreas: administrativa, jurídica, financeira, de recursos humanos, de controle de credenciados e de educação para o trânsito, entre outras. Também poderá atuar como vistoriador de veículos e de examinador de trânsito nas provas práticas de direção veicular. Nesses casos, o Detran SP oferecerá os cursos de formação específica para essas atividades.

Fonte: JC Concursos